Apreendedorismo: Dicas e Materiais sobre Empreendedorismo, Negócios e Marketing

Qual é a importância do marketing para pequenas empresas? Entenda!

Uma das maiores dificuldades dos empreendedores que iniciam um novo negócio é conseguir os primeiros clientes. Isso exige uma estratégia de divulgação e comunicação capaz de transmitir a essência de uma nova marca e o que ela tem a oferecer para o público. É por isso que o marketing para pequenas empresas é tão importante.

Pode parecer algo que demanda muitos recursos e que só é possível para grandes corporações, mas, neste artigo, vamos entender mais sobre a relevância do marketing para organizações mais enxutas. Além disso, veremos as estratégias mais eficazes nesse sentido. Confira!

Qual é a função do marketing?

De maneira geral, podemos definir o marketing como uma mistura de ciência e arte, cuja intenção é entender as necessidades de um mercado e utilizar estratégias para satisfazer essa demanda. Por mais que ele seja apropriado para empresas de todos os portes, há aspectos especialmente relevantes para pequenas empresas, como veremos a seguir.

Qual é a relevância do marketing para as pequenas empresas?

Selecionamos três motivos cruciais pelos quais você deve dar atenção ao marketing na sua pequena empresa.

Divulgação do produto/serviço

Uma organização precisa vender seus produtos e serviços para se manter, mas, para isso, as pessoas precisam saber o que ela tem a oferecer em primeiro lugar. Por mais que esse tipo de esforço também se relacione à área de vendas, uma participação conjunta com táticas de marketing traz resultados mais promissores.

Posicionamento de mercado

Outro aspecto relevante do marketing para pequenas empresas é a sua contribuição para o posicionamento da marca. Afinal, não basta que o público conheça seus produtos e serviços — ele também precisa conhecer os valores da organização e entender como ela participa do mercado.

Podemos entender o posicionamento como a capacidade de uma empresa ser lembrada. Trata-se do que a sua audiência pensa sobre a marca, como ela enxerga a sua imagem. Isso envolve reconhecer determinados fatores, como o setor de atuação, a qualidade dos produtos e serviços, a qualificação dos colaboradores, a experiência de mercado, a confiabilidade etc.

Aqui, a principal função do marketing é garantir que a visão do público esteja alinhada à imagem que a empresa pretende passar.

Diferenciação perante a concorrência

Já vimos que o uso correto de técnicas de marketing permite ao público entender aquilo que a sua empresa oferece e como ela se posiciona. Seguindo esse raciocínio, sua empresa alcança o próximo nível quando as pessoas já conhecem a sua marca tão bem ao ponto de reconhecerem as diferenças entre o seu negócio e os demais concorrentes.

Quais são as melhores estratégias?

Antes de vermos as principais estratégias, vale lembrar que não é preciso montar um departamento inteiro para começar a executar táticas de marketing em uma pequena empresa. Com planejamento e conhecimento sobre boas práticas, você já poderá obter um bom retorno para suas ações.

Crie uma identidade visual

O passo fundamental para construir uma marca forte e trabalhar o seu posicionamento é contar com uma boa identidade visual. Ela vai permitir que seus clientes e potenciais consumidores reconheçam facilmente as cores e formas que simbolizam a sua empresa.

Isso contribui para fixar a representação da organização na memória visual do público — especialmente aquele que tem mais afinidade com a marca — em diversas mídias diferentes, como:

  • cartões de visita;
  • folhetos;
  • folders;
  • capa para redes sociais;
  • site.

Como elaborar uma identidade visual envolve diversos quesitos, como criação de um logotipo, escolha de uma paleta de cores, padronização de impressos e desenvolvimento de layout para páginas web, recomendamos que você contrate um profissional de design para fazer esse trabalho.

Estabeleça uma boa presença online

A Internet faz parte da vida dos consumidores. Logo, se uma empresa não está presente online, é como se ela nem sequer existisse.

Por isso, demonstre que você se preocupa com a presença online, começando pela criação de um site bastante informativo para que as pessoas conheçam melhor a empresa e quem trabalha nela. Lembre-se de que muitos dos seus potenciais clientes podem acessá-lo do celular, então, garanta que ele seja compatível com dispositivos móveis. Mas não pare por aí.

Procure compartilhar conhecimento sobre a sua área de atuação em um blog institucional. Além de atrair visitantes que fizeram pesquisas em mecanismos de busca, como o Google, isso ajuda a criar autoridade para o seu negócio.

À medida que o público percebe o quanto seus colaboradores são experientes em temas relacionados aos produtos e serviços que a empresa oferece, a confiança em fechar uma compra com a empresa aumentará.

Além disso, use as redes sociais tanto para divulgar os posts que você produzir quanto para compartilhar novidades interessantes do seu mercado e estreitar o relacionamento com a sua audiência. Publique regularmente, tire dúvidas, responda aos comentários, enfim, mostre que tem um perfil participativo.

Seguindo essas sugestões, você mostra que tem diversos canais online e que se dedica a mantê-los atualizados.

Crie um bom relacionamento com os clientes

Outra estratégia importantíssima diz respeito ao relacionamento com os clientes, afinal, os consumidores procuram marcas preocupadas com a satisfação deles e dedicadas a prestar um bom atendimento.

Sendo assim, além de manter um canal aberto nas redes sociais e em aplicativos de troca de mensagens para ouvi-los, procure estabelecer um relacionamento mais próximo, utilizando o e-mail marketing.

Ao elaborar uma lista com clientes e leads que permitam o envio de e-mails da sua empresa, você pode submeter conteúdos relevantes para eles, tais como novidades, materiais educativos sobre o seu mercado e promoções.

Lembre-se, contudo, de que esse é um canal um tanto quanto pessoal, então, não exagere com mensagens de vendas. Use o e-mail principalmente para informar e criar uma relação mais próxima.

Podemos perceber, portanto, que o marketing para pequenas empresas é perfeitamente viável e que pode trazer excelentes oportunidades para o negócio. Assim, cabe ao empreendedor conhecer bem as possibilidades e o seu cliente, de modo a escolher as estratégias mais adequadas para o perfil do seu consumidor.

Percebeu como o marketing é importante também para empresas de pequeno porte? Quer saber um pouco mais sobre como melhorar as conversões dos seus e-mails? Entenda como ser mais relevante com e-mail marketing!

Quer ficar por dentro de todas as novidades? Cadastre-se e receba nossos conteúdos